Apresentação da Equipa

Encontro-->Todos os domingos ás 08h30 em frente da Câmara Municipal da Maia.

Somos um grupo de BTT amador que existe desde Outubro de 2007, constituída por um grupo de Amigos que valoriza a prática deste desporto e as voltas domingueiras no norte país. A equipa terá como objectivos para o ano de 2012/2013 adquirir novos elementos. Queremos fazer crescer ainda mais este grupo, se gostas de BTT e te identificas com o conceito saudável e de companheirismo com o qual nos identificamos aparece, serás bem recebido.

sábado, 14 de agosto de 2010

BTT para ToTós


A enfermeira


O Cristo



Joelho Esfolafo


Braço esfolafo


Bem, desta feita e no seguimento da tarefa de fazer um manual de BTT aqui acrescento mais um capitulo. Este contado em primeira pessoa.

Como já podem adivinhar da foto e do título vejam quem é totó e porquê. Hoje mesmo malhei o maior terno da minha vida. E vi nitidamente os passarinhos a cantar. Melhor o capacete é que viu. O resto do corpinho serviu de esfregona para limpar o chão.Pois é. Quem anda a chuva, molha-se já diz o ditado. E lá chegou o dia. Já com bastante experiencia em andar no meios dos montes, fazer um pouco de “downhill”, andar nos piores caminhos que se possam imaginar e fui cair numa recta sem trânsito no meio da estrada e no asfalto. Caí sozinho sem sequer uma brisa passar.É daquelas coisas estúpidas que já aconteceu a muita gente e que alguns não ficaram para contar a história. Estou contente por neste momento estar a contar em primeira pessoa.

Agora vamos ao manual.

Regra nº1. Não tirar as mãos do volante ou deixar relaxar as mesmas. Quando se vai a 30km/h é mesmo para ir atento e não se distrair com o que nos rodeia, mesmo que seja a gaja capa de playboy, não vale a pena correr riscos. Por isso nunca relaxem os músculos principalmente os que seguram o guiador. Foi o meu caso, relaxei, tombei. O volante guinou 180º, a bike parou e eu voei. Raspei 5 metros no asfalto. Uma distracção e quando acordei já me estavam a por betadine.

Quando andamos de bike é muito importante andar numa posição semi-flectida. Ou seja, endurecer ligeiramente os músculos e dominar o “bicho”. Não endurecer demasiado pois é preciso alguma flexibilidade para equilibrar a bike e amortecer as irregularidades. Não relaxar pois ao mínimo obstáculo somos apanhados desprevenidos. Principalmente quando se anda em estrada pois pode vir um autocarro ou camião e passar por cima. Não morremos da queda, morremos do "bife bem passado".

Regra nº 2. Usar capacete e protecções nos joelhos e cotovelos. É desconfortável mas quando temos o azar fazem cá uma falta.

Regra nº 3. Sorte. Há gajos com azar.. pronto.. é vida!!

Regra geral: A distracção é a morte do artista. Isto aplica-se a todas as modalidades e coisas da vida.

Boas pedaladas.

Pedalem sim.. mas com cuidado.

Abraços e beijos....

PS: Quero deixar os meus agradecimentos a todas a mulheres jeitosas que me trataram das mazelas e me puseram betadine. O meu muito obrigado.

3 comentários:

Helder Linhares disse...

Estas muito bem Sr. Jorge na Foto, mas essa Enfermeira que te atendeu sim senhor :)
Abraço e as melhoras.

Gaspar Moreira disse...

Diz-me só onde fica o hospital, na minha zona as enfermeiras não me parecem tão profissionais... Abraço e melhoras, ... Gaspar Moreira

JLatino disse...

É Hospital Privado da Boa Nova. No publico são enfermeiras de 50 anos e 500 kgs de peso...hehehhe